Tempo de Transição

As cidades forçam a aceleração de nossas vidas. Tudo é tão urgente que acostumamos a fazer para ontem, algo que nem sabemos se vamos terminar hoje.

 

O corpo tem seu tempo, e precisamos respeitar. Estou iniciando-me “na corrida minimalista”, e não adianta nada e sair querendo correr 10k e adquirir algum problema no calcâneo por simplesmente não saber respeitar o tempo do nosso corpo. Da adaptação do corpo, dos nervos e musculos que, durante muito tempo, gostavam de ficam em repouso, sem nada para fazer.

Acredite, estou aprendendo da pior forma isso ….

 

” DESEJO dizer uma palavra em nome da natureza, em nome da liberdade absoluta, em nome da amplidão, que contrastam com a liberdade e a cultura das cidades — no sentido de considerar o homem como um habitante da natureza, ou parte e parcela dela, e não como um elemento da sociedade.”  – Andar a Pé – Henry David Thoureau 

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s